Valdemir crítica turnão que será feito na prefeitura

O vereador Valdemir Dias (PT), iniciou seu pronunciamento durante a sessão ordinária realizada no plenário Carmen Lúcia, na manhã desta quarta-feira, 06, falando sobre cumprimentando os alunos e professores do Sesi que acompanhavam a sessão. Dias falou ainda, sobre os problemas que a prefeitura vem enfrentando: “Quero falar aqui da quebradeira da prefeitura Municipal de Vitória da Conquista, a prefeita quebrou o município”, falou.

Segundo o parlamentar, a prefeitura vem jogando a culpa na falta no FPM – Fundo de Participação dos Municípios. Ele explicou que o FPM é formado por dois impostos, o imposto de renda e o IPI sobre produtos industrializados. Falou sobre a correção do imposto de renda e da desoneração na folha em vários setores da indústria. “Mas a prefeitura está colocando toda a culpa no FPM, aproveitou para colocar a quebradeira total na queda do repasse, mas eu quero aqui falar para que só nesse ano, com aumento de IPTU e SQN multas e IPVA, taxa de lixo, aumentou IPTU, e até agora vereadores, a prefeitura já arrecadou mais de R$ 457 milhões, esse valor é maior do que toda arrecadação do ano de 2022”, explicou.

Finalizou dizendo que a prefeitura reduziu o atendimento ao cidadão e que “para mim é um tiro no pé o turnão”, disse, completando que ele acredita que esse procedimento “não economiza, é uma economia de palito”.