PF faz buscas em 7 estados e está longe de acabar

A Polícia Federal cumpre nesta terça-feira (5) 53 mandados de busca e apreensão contra suspeitos de estimular e financiar os atos golpistas do dia 8 de janeiro.

Segundo a PF, os mandados foram autorizados pelo Supremo Tribunal Federal (STF) e atingem endereços em sete estados: Ceará (2 mandados), Mato Grosso do Sul (2), Minas Gerais (26), Santa Catarina (3), São Paulo (12) e Tocantins (2).

A Justiça também autorizou o bloqueio de bens desses alvos. A estimativa dos três poderes é de que o prejuízo às sedes na Esplanada dos Ministérios ultrapassem os R$ 40 milhões – e os autores podem ser condenados a ressarcir os cofres públicos.

Essa é a 16ª fase da operação Lesa Pátria, iniciada logo na semana seguinte aos atos de terrorismo em Brasília para investigar e capturar os envolvidos na depredação e no estímulo ao golpismo.

Segundo a PF, até esta terça a Lesa Pátria já contabilizava:

  • 78 mandados de prisão cumpridos;
  • 277 mandados de busca e apreensão cumpridos;
  • 17 inquéritos instaurados.

 

Parece que as ações da Polícia Federal estão longe de terminar, e suas ramificações podem se estender a vários municípios, incluindo a cidade de Vitória da Conquista, na Bahia. Nos grupos de WhatsApp da cidade, já se ouve falar da preocupação de existirem na cidade pessoas que podem ter financiado atividades suspeitas. O desenrolar dessas investigações promete manter a comunidade em alerta.